09/12/2013

Christmas Time- 20° cap.:

Kiss me hard before you go, 
Summertime Sadness.
I just wanted you to know
That baby you're the best.
Summertime Sadness- Lana Del Rey.

Diamond White- 24 de dezembro- 3 da manhã- LAX- Los Angeles, Califórnia.
-Anda logo, Diamond! A gente vai perder o voo, caralho.
-Para de gritar, Daniel. E eu tô correndo o mais rápido que eu posso, tá legal? -disse ofegante pelo fato de eu estar correndo e arrastando a minha mala, sem contar que minha bolsa ficava caindo do meu ombro.
-Tá vendo, você tá gorda! Se não tivesse correria mais rápido.
-CALA A BOCA. -consegui pegar minha bolsa e tacar nele. Catei minha bolsa do chão e continuei a correr.
-Parem vocês dois. -meu pai disse.- Não temos tempo pra isso.
-NÃO MOÇA, ESPERA. -gritei para a aeromoça que estava fechando a passagem de embarque para Toronto.
Ela revirou os olhos -nojenta- e abriu novamente a passagem.
Entregamos as passagens e a identificação e passamos direto para a sala de embarque, que já estava quase vazia. Deixamos as malas nas esteiras e entramos no avião.
Com muita dificuldade -pois eu ainda estava ofegante da corrida- eu consegui achar o meu assento, que era do lado de uma menininha loira com uma camiseta roxa escrito "Justin Bieber: Never Say Never."
Dei risada mentalmente enquanto reprimia a vontade de apertar a garotinha até as bochechas dela ficarem da cor da camiseta.
-Você é a Diamond? -ela disse se virando pra mim.
-Sou sim... por quê?
-Obrigada por fazer o Justin feliz. -quase amassei ela num abraço quando ela disse isso.
-Anw, amor. Vocês também fazem ele feliz. Ele ama muito as beliebers.
-Diz pra ele que eu amo ele?
-Que tal a gente tirar uma foto e eu mostro pra ele?
-Obrigado. -ela pareceu muito animada.
Tirei meu iPhone do bolso da jaqueta e tirei uma foto nossa.
-Qual seu nome?
-É Margareth.
-Lindo nome. -sorri- Quantos anos você tem, Margareth?
-Oito.
(...)
Eu e Margareth conversamos durante todo o voo. Apesar do horário, não estávamos com sono. Éramos as únicas acordadas ali.
Logo pousamos em Toronto e me despedi de Margareth com um abraço.
Pegamos as malas e fomos até o ponto de táxi do aeroporto. O taxista colocou as malas no carro e fomos para a rodoviária.
(...)
-Acorda, baixinha. -Dani me acordou. Eu tinha dormido no ônibus.
-Não me chama de baixinha, seu chato.
-Ah desculpa, é que você é muito alta. -reviramos os olhos.
Descemos do ônibus e pegamos nossas malas.
Fomos andando pela rodoviária até que eu vi a cafeteria.
Eram umas 8 e 30 e não tínhamos tomado café ainda.
-Eu to com fooome!
-Gorda. -Dani disse e revirou os olhos.
-Exu. -sussurrei revirando os olhos.
-Vamos comer, então. -meu pai, sempre salvando a pátria -nem exagerei-.
-Yay! -fui praticamente correndo para a cafeteria.
Sim, eu estava morrendo de fome.
(...)
-MÃ-Ã-ÃE, CHEGUEI!
-PARA DE GRITAR GAROTA, NÃO SOU SURDA. -gritou vindo em minha direção.
-Mas é você que tá gritando. -revirei os olhos.
-Larga de ser chata. -ela me puxou para um abraço.
Essa mulher é bipolar.
-Oooi mãe. -Dani disse e abraçou ela em seguida.
-Isso Daniel, esquece da tua mãe. Esquece de quem te colocou nesse mundo.
-Calma, eu to aqui agora, não to?
-Cheio de graça você. -minha mãe se desgrudou do Dani.
-Richard...quem é vivo sempre aparece. -disse e deu um abraço nele.
-Pois é, Rachel*.
-Se me dão licença, eu tenho um astro pop para visitar. -mandei beijinho e saí.
Cheguei na frente da casa de Justin e toquei a campainha. Pattie atendeu em seguida.
-DIAMOND, QUE SAUDADE. -ela disse e me puxou para um abraço.- NÃO FAZ TANTO TEMPO ASSIM, MAS MENINA, VOCÊ FAZ FALTA NESSA CASA.
-Nossa, assim eu me sinto especial. -disse e rimos.
-Quer tomar café?
-Não, obrigado. Eu já tomei café na rodoviária.
-Ah, sim. O Justin ainda não acordou, quer que eu vá acordar ele?
-Pode deixar que eu faço isso, sogrinha. -ela riu.
-Tudo bem, eu vou estar na cozinha.
-Ok.
Subi as escadas e abri a porta do quarto de Justin.
Ele dormia de barriga pra baixo e sua bunda estava descoberta. Aquela bundinha dele é muito gostosa de apertar gente, vocês não tem noção.
Afastei meus pensamentos sobre a bunda do meu namorado e entrei no quarto.
Como eu sou uma boa namorada, fui super delicada na hora de acordar ele.
Pulei em cima dele e gritei:
-JUSTEEEEEEEEEN!
Ele pulou de susto e me olhou com cara de bunda.
-Ah nossa, tudo bem. Já que você não está com saudades... -disse e fui saindo da cama, mas ele segurou meu braço.- Bom dia! -dei um sorriso.
-Bom dia, chatinha. -ele estendeu os braços para um abraço.
Abracei ele -apertei ele-
-Ai.
-O que foi? -me afastei para olhar para ele.
-Tá doendo. -ele apontou para a costela.
-Aaanw, meu bebê tá machucado? -perguntei fazendo uma voz fofa e apertando as bochechas dele. Ele fez careta.
-Ah, Diamond.
-Tá, parei. -ri.
-Me dá um beijo.
-Só depois que você escovar os dentes. -eu disse e ele revirou os olhos, fazendo eu rir em seguida.- Se arruma aí. Quer que eu te espere?
-Por favor. -ele fez biquinho.
-Ok.
******************************************************
Hey sweethearts *u* Tudo bem? to bem :))
Respondendo coments:
Júúlie: Parei então, marida! HEUHEUEUE continuei :)
Isadora: Eita, obg HEUHEUHEUHE  continuei u.u <3
GENTE, SÓ MAIS 5 caps. pra acabar </3
preparadas para Dear Abbie?
Gente, mostrei Dear Abbie p uma amiga minha q nem é belieber e ela amou <3 <3
Espero que vcs gostem!
Bjss.
-Carol.

8 comentários:

  1. AWNNNNNNNNNNNNNNNNNNN MEU DEUS JUSTIN... VEM DORMIR NA MINHA CAMA ASSIM .. NÃO GARANTO QUE VA DORMIR.. VOU TE USAR TODINHO HAHAHAHAHAHA CONTINUA PELO BIEBER AMADO!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. HEUHEUEHUEHEUHE tá super certa!Eu faria o mesmo u_u se prepare Justin, q eu vou lhe usar HEUHEUEHEUEHEU continuei :) /Carol

      Excluir
  2. Ainnnn fofoooo! Continua princesa, gatona linda da minha vida! haushaushau <3

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Anw linda, fofa vc! ^^ só n peço p casar cm vc pq já somos casadas! HEUEHUEHEUEH Obg obg obg obg *u* continuei amor <3 /Carol.

      Excluir